Menu

The Blogging of Schultz 065

adviceblouse92's blog

Teatro Universitário Paschoal Carlos Magno


aprender isso aqui agora


O Ministério de Minas e Energia encaminhou o projeto de lei sobre a reforma do setor elétrico à Presidência da República. O texto traz modificações muito visite a próxima postagem , como o acesso de organizações de menor porte ao mercado livre de energia - onde são capazes de negociar diretamente com as geradoras - e a adoção de uma política mais enérgica pela autorização de subsídios. A abertura do mercado livre a começar por janeiro de 2026, pela prática, terá que diminuir os custos da energia para corporações pequenos.


Hoje, apenas grandes clientes, podem obter diretamente das geradoras, sem a intermediação das distribuidoras. É o caso das montadoras de carros a título de exemplo. Com as transformações propostas, um supermercado, que hoje não pode fazer essa compra direta, passaria a poder. Pros consumidores residenciais, mas, nada muda. O secretário-executivo do Ministério de Minas e Energia, Paulo Pedrosa, falou que o projeto marca o final de uma visão intervencionista a respeito do mercado por cota do governo. Ele argumenta que o setor elétrico conviveu por vários anos com políticas equivocadas, como a escolha de “campeões nacionais” e investimentos de estatais a taxas “patrióticas”. “É muito simbólico que estejamos liderando um movimento oposto.


As políticas precisam página , e o consumidor necessita ter voz e poder de escolha”, considerou Pedrosa. Dezoito bilhões por ano e é paga integralmente pelos freguêses, por meio das tarifas de energia. Revisão Completa o Ministério, a conta de iluminação custeia muitas políticas que beneficiam geradores de referências renováveis, irrigantes, produtores rurais, população de baixa renda e empresas de saneamento, o que distorce o gasto da energia. Pelo projeto de lei - que está na Moradia Civil e será ainda enviado à apreciação do Congresso Nacional - serão exigidas contrapartidas dos beneficiários, e também critérios de acesso que considerem estilos ambientais e condições sociais e econômicas.


O texto sugere ainda uma modificação na lei leia a informação completa aqui de imóveis por estrangeiros, permitindo que empresas internacionais possam adquiri-los, desde que estejam relacionadas à efetivação de atividades de formação, transmissão e distribuição de energia. Para o Ministério de Minas e Energia, a atual restrição funciona como uma barreira à entrada de capital externo para investimentos no setor, limitando a concorrência.


  • Vire teu tapete de cabeça para nanico

  • Enfeite a mesa com torres feitas com suspiros

  • 70 - Estante de livros com tronco de árvore

  • um Projeto por mês - Quadrinho do Abraço DIY

  • 9 Cozinha Velha

  • 2 Traje Oficial



  • Influência. O mercado aprovou as modificações, contudo afirmou que novas são tímidas e poderiam ser adotadas num período mais curto. “O projeto lembra falando sobre isto também , que começou ousada e depois cedeu muito. Este de imediato começa modesto, se bem que esteja na direção correta”, falou o presidente-executivo da Agregação Brasileira dos Grandes Freguêses (Abrace), Edvaldo Santana. “A diminuição dos limites de demanda para a migração de freguêses ao mercado livre de energia elétrica poderia se ceder de forma mais célere.


    A promessa é que este foco possa ser revisto na tramitação do texto no Congresso”, ponderou o diretor administrativo da comercializadora Electra Energy, uma Leonardo Salvi. A proposta desfecho prevê apesar de que será cobrado um bônus de outorga de toda usina antiga que tiver o contrato de concessão renovado, sem atravessar por nova licitação. Os recursos arrecadados na Combinação serão divididos na proporção de 2 terços para o Tesouro Nacional e um terço pros consumidores, por intervenção de descontos nas tarifas. A Residência Civil ainda pode fazer os ajustes finais. Após atravessar neste crivo, o projeto de lei poderá ser assinado pelo presidente Michel Temer e enviado ao Congresso.


    Outra circunstância é que a proposta seja encampada por algum deputado avenida projetos engavetados, que prontamente tramitam pela Residência e que possam receber um novo substitutivo. Obtenha Mais e médias empresas intensivas no exercício de energia, como metalúrgicas, poderão comprar das geradoras, sem intermediários. Todavia elas têm de revelar com um sistema de abastecimento de energia específico ao menos de média tensão. As organizações de transmissão receberão o pagamento dos compradores em 24 anos e não mais em oito anos, por investimentos efetuados e não ressarcidos. As usinas mais antigas não precisarão mais fornecer energia pelo gasto (cota). Passam a negociar a preços de mercado. As usinas que tiveram contratos de autorização renovados sem ter necessidade de entrar em nova licitação terão de pagar deste jeito. Essa coleta será dividida com os consumidores por intervenção de descontos nas contas de luminosidade.

Go Back

Comment

Blog Search

Comments

There are currently no blog comments.